NOTÍCIAS

Governo desiste de adiar horário de verão, que começa em 4 de novembro

O governo decidiu manter para o próximo dia 4 de novembro o início do horário de verão, de acordo com informações da assessoria da Presidência, confirmadas nesta segunda-feira (15). Não haverá, portanto, adiamento para o dia 18 de novembro, como havia sido comunicado pelo Palácio do Planalto no início deste mês. Ele termina em 17 de fevereiro de 2019.
 
A mudança havia sido pedida pelo Ministério da Educação para evitar prejuízos aos estudantes, já que a primeira prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) está marcada justamente para o dia 4 de novembro.
 
No último dia 3 de outubro, o ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, anunciou em sua página no Facebook que os candidatos teriam “mais tranquilidade para fazer as provas” com a medida. “Caso o horário de verão iniciasse no primeiro dia de provas do Enem, como estava previsto, muito provavelmente acarretaria em prejuízos aos participantes”, escreveu.

 

Prefeito de Barretos justifica projeto sobre 13º e férias e diz que cumpre lei

O prefeito Guilherme Ávila justificou o pro­jeto de lei que prevê o pagamento do 13º e 1/3 de férias para agentes políticos. A propos­ta está em tramitação nas comissões especiais da Câmara. “Estamos adequando à legisla­ção, não é uma vontade pessoal e nem capricho e sim uma decisão ju­dicial. A lei existe para ser cumprida”, disse em entrevista na O Diário Independente FM. Um dos questionamentos dos vereadores é que o benefício deverá valer somente para a próxima legislatura, para evi­tar “legislar em causa própria”. Sobre isso, o prefeito esclareceu que não se trata de subsí­dio já fixado para essa legislatura.
 
“Os agentes políticos muitas vezes não têm tempo de tirar férias, esse é um direito de qualquer trabalha­dor comum que exerce função pública ou pri­vada”, afirmou. O chefe do Executivo ponde­rou que a proposta tem sido criticada, mas que não pode ser omisso em relação à decisão do STF. “Se a Câmara decidir votar contra, os vereadores estão lá para decidir, só não posso ser omisso até porque existem decisões po­pulares e impopulares”, argumentou. Guilherme Ávila sinalizou para a possibilidade de abrir mão do benefício, caso a proposta seja apro­vada e reiterou que os vereadores poderão ter a mesma postura. “Se for uma questão políti­ca, cada um faça o seu julgamento e vote con­forme sua consciência e depois, o judiciário que tome as providências”, alertou.
 
O prefeito admitiu que o momento é ruim e a população está com raiva da classe política. No entanto, defendeu que é preciso uma mu­dança de postura. “Vai ser difícil isso mudar em médio espaço de tempo, tem que mudar a consciência da im­prensa e população no que dissemina contra a classe política. Aquilo que é ruim tem grande repercussão, mas o bom praticamente não sai”, afirmou. Guilherme Ávila reiterou que cada vereador vote conforme sua consciência. “Se entender que não deve, faça valer o seu direito de voto, só não posso me furtar de cumprir a lei”, finalizou.
 
A decisão está base­ada em entendimento do STF favorável em pedido da cidade de Alecrim, no Rio Gran­de do Sul. O projeto enviado à Câmara tem anexos pareceres dos ministros Rosa Weber, Luiz Fux e Luís Roberto Barroso, favoráveis ao abono.

Dia da Criança foi comemorado com muita festa

A garotada se divertiu muito na última semana com a programação especial que celebrou o Dia das Crianças. A festa, que aconteceu nos últimos dias 2, 3 e 4 no Recinto “9 de Julho”, teve inúmeras atrações e muitas delícias que a criançada adora comer e saborear.
 
Além dos alunos da recreação, pré-escola e Ensino Fundamental (1º ao 5º ano), que compreendem a faixa etária de 4 a 10 anos, a festa foi estendida aos idosos do Asilo São José, integrantes do grupo de voluntárias do Fundo Social e Clube da 3ª Idade.
 
A novidade foram as diversas apresentações, como da Escola de Música do Centro de Educação Complementar, coordenadas pelo músico Antônio Carlos Barbosa “Moska”, de dança do Clube da 3ª Idade, de viola e sanfona com os “Irmãos Sinatra”. Os brinquedos infláveis variados (cama elástica, tombo legal), tobogã, chute ao gol, mesa de pebolim, etc) proporcionaram muita diversão à garotada que também curtiu as atividades esportivas e culturais, como o passeio a cavalo, charrete e futebol. O foco das brincadeiras educativas, desenvolvidas pela Secretaria de Saúde, foi o combate à dengue.
 
Liliana Taha, presidente do Fundo Social, agradeceu aos colaboradores colinenses (comerciantes e empresários) pelo patrocínio e doações para a realização da festa.

Amador tem 131 gols nas cinco primeiras rodadas

Ontem não teve rodada do Amador Municipal por causa das eleições. O campeonato entrou nesse pequeno hiato depois de 5 rodadas onde foram marcados cento e trinta e gols em trinta e seis partidas, atingindo uma média de 3,63 tentos marcados por partida.
 
O melhor ataque da competição pertence ao Os Mulekes da Dirce que já balançou as redes dos adversários vinte e quatro vezes. Os Mulekes tem também a maior goleada, que é um 11 a 0 contra Os Piratas.
 
O segundo melhor ataque pertence a dois times, Paz e Internazionale. Com treze gols Patrimônio, Nike 10 e Veteranos da Vila Guarnieri marcaram treze gols.
 
Os demais times estão assim com seus ataques: Amigos do Xibiu, doze gols, LAFC, 8, Fazenda Cava e Primavera, 7, Laranja Mecânica, 6 e Os Piratas, 0.
 
Na defesa quem lidera as estatísticas é o Paz que sofreu apenas um gol. Os Mulekes da Dirce levou dois;
 
Quem tem a pior defesa é o Os Piratas que sofreu 29 gols.
 
O campeonato volta no próximo domingo com os seguintes jogos:
 
Colina Atlético – 8h: Os Piratas x LAFC, 10h: Os Mulekes da Dirce x Amigos do Xibil.
 
Nova Colina – 8h: Veteranos da Vila Guarnieri x Primavera, 10h: Patrimônio x Laranja Mecânica
 
Jardim Primavera – 8h: Internazionale x Nike 10, 10h – Paz FC x Fazenda Cava

Bolsonaro e Dória são os mais votados em Colina

A candidato do João Doria a governador pelo PSDB foi o mais votado em Colina nas eleições realizadas ontem. Dória teve 44,88% dos votos válidos (3.631), seguido por Márcio França (PSB), que obteve 17,54% (1.410) e em terceiro aparece Paulo Skaff (MDB) com 15,97 (1.292). os demais candidatos tiveram a seguinte votação: Luiz Marinho (PT) 13,05%, Major Costa e Silva (DC) 2,69%, Rogério Chequer (NOVO) 2,47%, Rodrigo Tavares (PRTB) 2,46%, Professora Lisete (PSOL) 0,77%. Professor Claudio Fernando (PMN) 0,12%, Toninho Ferreira (PSTU) 0,04%. Lilian Miranda e Marcelo Candido tiveram problemas com suas candidaturas e seus votos não foram computados.
 
Foram 844 votos em branco e 1.490 nulos.
 
Nas eleições presidenciais Colina não se diferenciou dos resultados nacionais e teve Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) como os mais votados. O militar da reserva obteve 51,67%, o que totaliza 4834 votos, enquanto o ex-prefeito de São Paulo teve 19,02%.
 
Diferente do resultado nacional, Geraldo Alckmin ficou em terceiro lugar, a frente de Ciro Gomes. O psdbista obteve 16,32% dos votos válidos contra 5,71% do pdtista.
 
Os demais candidatos tiveram a seguinte votação: João Amoedo (NOVO) 4,08%, Henrique Meirelles (MDB) 1,16%, Marina Silva (REDE) 0,65%, Cabo Daciolo (PATRIOTA) 0,53%, Alvaro Dias (PODEMOS) 0,42%, Guilherme Boulos (PSOL) 0,32%, João Goulart Filho (PPL) 0,05%, Eymael (DC) 0,04%, Vera Lucia (PSTU) 0,02%.
 
Brancos e nulos somaram 1128.

Caminhada do Hospital de Amor reúne mais de 500 idosos na Região dos Lagos

A 4ª edição da Caminhada Lado a Lado com o Idoso contou com mais de 500 participantes na manhã de ontem na Região dos Lagos. A iniciativa é do Hospital São Judas Tadeu, unidade de cuidados paliativos e de atenção ao idoso do Hospital de Amor. Os padrinhos da caminhada, de cerca de 900 metros, foram o casal Daniel Bampa Nétto e Zaíra Barini Bampa. O contabilista barretense confirmou que sempre praticou atividades físicas e destacou a importância do evento. "Temos o hábito de fazer atividade física há muito tempo, a gente buscou meios de se movimentar. É uma forma de ganhar saúde sem tomar remédio", disse Daniel.
 
A fisioterapeuta Adriana Silva Martins Ferreira, que atua no Hospital São Judas, disse que a ação vem ao encontro de uma necessidade da população acima de 60 anos. "A gente promove a caminhada para incentivar os idosos a fazer exercício físico, sair de casa, se movimentar. Isso é muito importante para eles para melhorar a qualidade de vida", explicou. Segundo a fisioterapeuta, é possível notar que os idosos que participam de uma edição, retornam para os anos seguintes.
 
Os três primeiros colocados foram premiados. O 1º foi Archimedes Gamas, de 70 anos, em 2º lugar ficou José Carlos Oliveira, 60 anos, e na 3ª posição, José Heitor Martins, de 72 anos.
Primeira12345Última

EDIÇÕES ANTERIORES

O seu navegador não é recomendado para uma boa navegação neste site.
Para uma melhor visualização do site atualize-o ou escolha outro navegador.
Saiba mais...
Google ChromeMozilla FirefoxOpera